O Programa

 

 

 

 

 

 

O Programa

O Instituto Regional FAIMER Brasil é uma especialização realizada pela Universidade Federal do Ceará, em dois anos, em tempo parcial. Consiste em duas sessões presenciais, realizadas em Fortaleza, Ceará e duas sessões à distância de 11 meses cada. As sessões presenciais são realizadas de forma intensiva em imersão em um hotel, por cerca de 10 dias. Os temas trabalhados em atividades altamente interativas incluem: avaliação de estudantes, boas práticas docentes, avaliação de programa, educação à distância, gerenciamento de mudanças, planejamento de projetos, gerenciamento de conflitos, pesquisa educacional, mérito acadêmico, pesquisa quantitativa e qualitativa.

As sessões à distância focam no processo de tutoria (mentoring) dos participantes, na construção de redes e no intercâmbio de idéias, além do aprofundamento de temas específicos através de trabalho em grupo. Essas sessões ocorrem através da participação em atividades planejadas e executadas pela internet. No período das sessões a distância, o participante também executa um projeto de inovação educacional na sua instituição de origem. Um resumo do seu projeto e os resultados alcançados devem ser apresentados durante a segunda sessão presencial.

As despesas com hospedagem e alimentação para as sessões presenciais são financiadas pelo Ministério da Saúde do Brasil. As despesas com transporte para Fortaleza devem ser custeadas pela instituição do docente. Não há taxa de inscrição ou de participação no curso, que é gratuito. Os custos de desenvolvimento do projeto de inovação devem ser cobertos pela instituição de origem e não são cobertos pelo programa. É necessário que o participante traga um computador portátil com acesso a rede Wi-Fi para participação nas sessões presenciais.

Especialização em Educação de Profissionais de Saúde

O Programa Faimer Brasil é certificado pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-graduação da Universidade Federal do Ceará como especialização latu sensu. Os participantes que completarem o programa e os requisitos de avaliação serão certificados pela Universidade com o título de especialista em Educação para Profissionais de Saúde.

Projeto de Inovação em Educação

Um dos objetivos principais do programa é a realização de um projeto de inovação educacional, proposto pelo participante como parte do processo de inscrição no programa, e sua implementação durante a duração do mesmo, na sua instituição de origem. É dada alta prioridade no processo seletivo para projetos que estejam em consonância com as políticas públicas de saúde e educação brasileiras, como por exemplo, Pró-Saúde e Pet-Saúde, e que tenham potencial de melhoria da saúde da população através da melhoria da formação de recursos humanos em saúde.

Como parte do processo de desenvolvimento de mérito acadêmico (pesquisa, avaliação e publicação) na área de educação em Ciências da Saúde, os participantes preparam um pôster e um resumo baseados nos resultados dos seus projetos após um ano de implementação. É dado apoio pelos docentes e por outros participantes para apresentação destes resultados em outras instâncias e eventos.

Projetos propostos tipicamente envolvem, mas não são limitados,  a uma ou mais das seguintes áreas: avaliação de estudantes, aplicação de tecnologia da informação em educação, integração ao sistema de saúde, educação baseada na comunidade, metodologias ativas de ensino-aprendizagem, desenvolvimento de habilidades clínicas, profissionalismo e ética, pensamento crítico, avaliação de programa, desenvolvimento docente, revisão e/ou integração curricular, desenvolvimento de unidades de educação em Ciências da Saúde  e educação à distância.

Participantes

Construir comunidades de prática de educadores em Ciências da Saúde é um dos objetivos centrais do programa. Durante os dois anos , cada participante interage com os outros participantes atuais e que já concluíram o programa. O desenvolvimento do senso de comunidade é potencializado por um período de sobreposição das sessões presenciais do ano 1 e do ano 2, onde os participantes de cada grupo têm oportunidade de interagir. Aqueles que estão começando a pensar seu projeto de inovação e os que já trabalharam durante um ano podem trocar experiências. As discussões online durante as sessões à distância permitem a realização de fóruns adicionais de discussão para o trabalho em grupo e a realização de projetos conjuntos de pesquisa, o compartilhamento de recursos e experiências entre os participantes atuais e os já graduados. Os participantes são encorajados a continuar sua participação na Comunidade FAIMER após o término do seu programa.

 

O Programa FAIMER Brasil selecionou sua primeira turma em 2007.  Cerca de 300 professores de todas as regiões do Brasil e de outros 3 países já participaram deste programa, das diversas profissões da saúde.

A comunidade FAIMER global tem mais de 500 participantes de mais de 200 escolas em mais de 40 países. Para ver uma lista ordenada dos participantes, instituições, países, ano de participação e tipo de projeto, por favor, visite a página da FAIMER.

Docentes do Programa

O Instituto Regional FAIMER Brasil é apoiado por um corpo docente, composto por ex-participantes do programa internacional ou regional, bem como especialistas de renome internacional na área de educação em Ciências da Saúde. Para ver o corpo docente, por favor, visite a página dos Docentes.

Administração

O Instituto Regional FAIMER Brasil é organizado e administrado pelos seus co-diretores, Eliana AmaralHenry Campos, em conjunto com uma equipe de docentes e facilitadores. Apoio administrativo é dado pela Universidade Federal do Ceará.

Agenda

A agenda do programa para 2017 é:

Junho 2016 Abertura das inscrições
31 de Outubro 2016 Encerramento das inscrições
Novembro 2016 Seleção dos candidatos
Novembro 2016 Anúncio dos participantes aprovados
28 de janeiro a 9 (à noite) de fevereiro de 2017 Sessão 1 (presencial turma 2017)
Março 2017 – Fevereiro 2018 Sessão 2 (EaD – turma 2017)
05 a 16 de fevereiro de 2017 Sessão 3 (presencial turma 2016)
Março 2017 – Fevereiro 2018 Sessão 4 (EaD – turma 2016)

O Instituto Regional FAIMER Brasil tem o apoio da Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES), uma secretaria do Ministério da Saúde. O Instituto FAIMER Brasil é patrocinado pela Foundation for Advancement of International Medical Education and Research (FAIMER), que é uma organização sem fins lucrativos da Educational Commission for Foreign Medical Graduates (ECFMG).

Para se inscrever no Programa, por favor, visite a página de inscrições do Programa FAIMER no website da FAIMER.

Para qualquer informação, entre em contato através do email brasil@faimerfri.org.